O que a Catedral de Notre-Dame ensina para as crianças?

São 856 anos de existência. A Catedral de Notre-Dame (Catedral de Nossa Senhora), em Paris, foi local de coroação de três dezenas de reis na França, sobreviveu à Revolução Francesa, era símbolo de glória, poder e luxo; coroou Napoleão Bonaparte como imperador, testemunhou a ascensão da República na França e resistiu a duas guerras mundiais. Nesta segunda-feira, dia 15, a catedral foi atingida por um incêndio que levou 9 horas para ser apagado e, estima-se que levará cerca de 15 anos para ser recuperada, restaurada e reconstruída, segundo autoridades francesas.

A história da humanidade passou pela catedral de Paris. E as crianças podem ter acesso lúdico a essa realidade por meio do filme “O Corcunda de Notre-Dame”, animação da Disney que conta a história do tocador de sinos da igreja, Quasímodo. Lendo a história para as crianças ou assistindo ao filme com elas é possível tratar assuntos como aceitação, adoção, amizade, amor, respeito, e claro, inserir a própria história do monumento parisiense.

O romance do escritor francês Victor Hugo, foi publicado em 1831, e ajudou a popularizar a catedral no mundo. A leitura e o filme levam os pequenos a uma aventura por uma sociedade medieval da Paris e os diversos tipos de pessoas que convivam nela, dos pobres aos nobres. Conte a elas que:

– A história se passa no século 15. Explorar as imagens das torres góticas da catedral onde vive Quasímodo. É possível falar sobre adoção e amor materno, visto que o corcunda foi abandonado por sua mãe nos degraus de Notre-Dame assim que nasceu. Por isso, ele foi adotado pelo frade Claude Frollo.

Escolas, professores e leituras em família podem abordar temas atuais como o bulling. Desprezado por sua aparência e vítima de agressões frequentes, Quasímodo passou a viver isolado da sociedade por conta de sua aparência. Mas ganhou a simpatia de Esmeralda, uma linda dançarina cigana a quem ele passa a devotar toda as suas atenções.

– A história da humanidade também passou pela Catedral de Notre-Dame. Aproveite para mostrar fotos de Notre-Dame, construção gótica francesa. As crianças vão se interessar pelas gárgulas, esculturas góticas com aspecto animalesco, que protegiam a catedral contra espíritos malévolos.

– Escavações abaixo da Notre-Dame revelaram vestígios de uma cidade romana chamada Lutécia, onde estaria um possível templo pagão romano dedicado a Júpiter.

– Sua arquitetura e arte foram feitas por artistas desconhecidos. Ou seja, ninguém precisa ser famoso para encontrar seu lugar no mercado de trabalho e empreender.

– Faça um passeio pela Revolução Francesa (1789-1799), que quase destruiu o local.

– Mostre às crianças a necessidade de preservar a história. Diga a elas que alguns sinos da torre norte foram derretidos durante a revolução para a fabricação de balas de canhão.

Tela de Jacques-Louis David “A Coroação de Napoleão”, exposta no Museu do Louvre.

Napoleão Bonaparte escolheu a igreja para ser coroado imperador da França, em 2 de dezembro de 1804. Mostre a elas a imagem da tela de coroação ao lado. Tela de Jacques-Louis David A Coroação de Napoleão, exposta no Museu do Louvre.

– O presidente francês Emmanuel Macron lançou no dia 15 de abril de 2019 um novo pedido de ajuda financeira para recuperar o monumento destruído pelo incêndio. Ensine-as sobre responsabilidade, solidariedade e generosidade.

– Por fim, ensine-as a ter amor pela leitura. Foi graças ao livro “O Corcunda de Notre-Dame” que houve uma pressão popular que ajudou a fazer com que a catedral fosse restaurada entre 1844 e 1864.

Seja o primeiro a comentar