Nem só de Zona Sul vive o Rio de Janeiro, guia turístico e cultural mostra potencial da Zona Oeste

Parques ecológicos, centros culturais e arqueológicos, museus, restaurantes, ateliês de arte, hortos e paisagens exuberantes. Essas e outras dicas estão presentes no Guia Turístico e Cultural do Oeste Carioca, um aplicativo para iOS e Android que traz um roteiro Grumarigeorreferenciado e colaborativo com 265 pontos mapeados na Zona Oeste (e bairros vizinhos) do Rio de Janeiro. Para quem não conhece a região, a Zona Oeste está situada entre a Zona Norte, Baixada Fluminense, Itaguaí e Mangaratiba. É a maior região da cidade do Rio de Janeiro, apresentando um potencial histórico, turístico e cultural ímpar. 

O Oeste Carioca conta ainda com um guia de bolso com QRCode que direciona o usuário para download na Apple Store e Google Play. Tem também E-Book com toda a pesquisa realizada, agenda política com compromissos firmados com realizadores da arte e da cultura, e o site www.oestecarioca.org. O Guia integra o Oeste Carioca, projeto do Observatório de Favelas, em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura do Rio de Janeiro.

Horto das Palmeiras - ILha de GuaratibaA coleta de dados foi realizada nos meses de janeiro e fevereiro de 2014. Os pontos pesquisados estão em Anchieta, Bangu, Barra de Guaratiba, Camorim, Campo Grande, Cosmos, Grumari, Guaratiba, Ilha de Guaratiba, Inhoaiba, Magalhães Bastos, Paciência, Padre Miguel, Parque Anchieta, Pedra de Guaratiba, Pontal, Realengo, Recreio, Ricardo de Albuquerque, Santa Cruz, Santíssimo, Senador Camará, Sepetiba, Vargem Grande e Vargem Pequena. O inventário conta ainda com um conjunto de setenta estabelecimentos prestadores de serviços gastronômicos e hoteleiros.

Seja o primeiro a comentar